Jun 29, 2008

Amor batendo à porta

[texto publicado em 10 de abril de 2005]

Há uns 3 anos, sofrendo daquele mal "dor-de-cotovelo" um amigo me disse que não sofresse nem me preocupasse que, quando eu menos esperasse, o amor iria bater à minha porta.

Lembro que quando meu amigo falou essa baboseira toda, comecei a rir porque fiquei imaginando a cena acontecendo ao pé da letra e seria, no mínimo,surreal.

E ontem ele bateu. Precisamente à 00:22. Dizendo que era o fulano (Amor), irmão da beltrana. E eu fechei a porta na cara dele. Eu ria tanto, mas ria tanto da situação toda, que meu sono foi embora.

Era engano, claro. Amor errou o lugar da festa que ele ia. Aqui, agora, não tem espaço pra Amor.

Amor é lindo. Alto, loiro, forte. Soube também que é romÂntico "daqueles que ainda mandam flores" e apaixonado; adora uma poesia, escreve muito bem e desenha idem. Amor gosta de sair, dançar, viajar (principalmente se acompanhado da sra. Amor). Amor tem um senso de humor único, uma sensibilidade incrível, muito tato. Amor tem uma tatuagem linda nas costas. Amor é bem-humorado e adora brincar; parece criança às vezes. Amor tem as mãos grandes, é espaçoso, faz você se sentir segura. Amor é forte e ama intensamente. Amor não tem medo de intimidade. Não diz que quer você, mas "só se for assim ou assado". Ele quer vocÊ por inteiro, com todas as vírgulas e ponto final. Amor é estável, não tem crise existencial que abale o relacionamento. Amor sabe o que quer.

Amor é lindo, mas não é o meu.

4 Comments:

  1. camila said...
    Não é porque você bateu a porta na cara dele, uai!
    Não se faz isso com o AMor... você tem que recebe-lo de braços abertos!
    Que bom que postou, adorei o texto!
    Beijo
    =)
    Kaka said...
    Ebaaa!
    nEM acreditei quando disse que tinha atualizado.
    Essa frase do final:"Amor é lindo, mas não é o meu.", quem sabe um dia não se torne seu?
    Acho que devemos, de uma forma geral, lutar pelo amor, acredito que não devemos nos acomodar com as difilculdades.
    (Tudo bem que eu tenha quebrado tanto a cara com isso que já perdi as contas,mas não deixo de acreditar no amor!)
    Sem dizer que adorei o texto, a forma como brinca com as palavras.

    beijoo
    D.J. said...
    Ufaaaaa! Finalmente "Fragmentos" voltou à vida...e ainda mais com um texto lindo desses, ainda que seja antigo (na verdade, o amor nunca envelhece e é sempre bem vindo...sempre!). Ler seu blog de novo foi como um sopro de coisas boas. Obrigada por voltar a me inspirar...beijooooooo!
    Ariana said...
    O amor é lindo mas não é meu! rs(2)
    Adorei!
    Ai o amor!
    Que bom que tu voltou!

    Beijo

Post a Comment



Template by:
Free Blog Templates