Nov 10, 2008

Ela está triste desde aquele dia. O fatídico dia. Primeiro, quando viu, ficou ansiosa para saber do que se tratava; quando chegaram mais dois, logo em seguida, a felicidade e a curiosidade foram embora. Sabia que não era coisa boa. Não podia ser.

E não era. Chegou, foi correndo ver o que era. Leu. Curto e grosso. Objetivo. Doloroso. Ficou triste e atônita, sem saber o que fazer. Pensou em chorar, mas segurou as lágrimas o quanto pôde. Pegou o telefone e largou umas dez vezes. Ligou. Chamou e chamou até cair. Várias vezes. Pensou, refletiu sobre o assunto. Não era para isso ter acontecido, não. Ela sabia, todo mundo sabia. Mas aconteceu, o que ela podia fazer agora? Só restava se desculpar. E assim fez.

7 Comments:

  1. P. said...
    forgive you
    if that's what you want
    d'you roll back and you're wasted
    and I'm all torn up

    I bury promise here
    you would come back
    once your feelings are
    breaking for all that you were
    when you found me
    here and not there

    no one here
    can sing your song
    just invite the idiots and sing along

    I bet you loved before
    you were a flower on the wall
    I built to block up the brakes
    I used to need

    no one there
    can sing your song
    just stand by the idiots and sing along

    (Lagwagon - Brodeo)

    ;)
    Jaya said...
    Post interno? Rs. Só li códigos, aqui. Eu espero que tudo fique bem, por fim. (:

    Beijo beijo.
    Cele said...
    Eu tb... Tudo em código!
    Gusta Fernandes said...
    Eu já passei por isso.
    O pior de tudo á a ansiedade de boas notícias, e por fim só aparecem as más notícias. Odeio quando isso acontece... alias... quem não odeia? (risos)

    P.S. Saudades do seu blog e dos seus textos!! Cada dia melhor viu!!!


    Grande beijooo!!!

    mother said...
    Retribuindo sua visita e quero agradecer pelos votos de felicitações que desejou ao meu filho que hj completa mais um aninho, obrigada de coraçaõ...

    Beijos
    Kaka said...
    Com esse pequeno trecho você me lembra coisas que vivi, acho que ainda vivo. Como disseram, tudo códigos particulares, mas não indecifráveis.


    ** Olha eu de novo, não aguentei e voltei.. rsrs **
    Camila said...
    Ai ai!Comigo aconteceu algo bem parecido! Apenas más noticias. E depois de meses voltamos a nos falar!
    =D

Post a Comment



Template by:
Free Blog Templates