Nov 25, 2009

Meu caso de amor eterno

Eu tento fugir de você, mas você sempre me encontra. Ok, admito que fugir não é bem a palavra, é que é tão difícil viver com você e só com você...não dá, sabe? Ninguém ia aceitar e a vida anda tão difícil mesmo...não podemos nos dar ao luxo de viver só de amor.

É, porque eu e você somos eternos apaixonados, mas amor, como diria a outra, não enche a barriga de ninguém. Sim, eu sei que muitas pessoas passaram por isso e, por um tempo, viveram de amor e hoje há o amor e muito mais. Mas não, não é assim tão fácil, queria tanto que você me entendesse...

Se ao menos eu já tivesse um dinheiro guardado, uma quantia boa, considerável, que desse pra nos sustentar por um tempo...daí a gente se virava,que isso é o que de melhor sabemos fazer, não é?

Abandonei você fisicamente, mas meu coração ficou. E sei que vai ficar sempre. Meu coração e minha alma são seus, por inteiro. Nunca me senti tão feliz como me sinto quando estou com você, você sabe. Está magoado agora e fala essas coisas todas, mas sei que é da boca pra fora, sei que você não quer dizer isso, porque você também me ama. Parece que fomos feitos um pro outro...

Se eu acredito em alma gêmea?Errr...não sei. Uma amiga, filosofando, há muitos anos, disse que seria muito triste se só houvesse uma única pessoa no mundo para outra "já pensou se a gente não se encontrar?". Mas eu não acho isso. E sim, se existe alma gêmea, e acho que existe, sabe, você é minha alma gêmea. Com você me sinto completa, transbordo de felicidade, sou inundada por sentimentos e pensamentos tão profundos e por forças imensuráveis. E o sorriso?Nossa, meu sorriso é indescritível quando estou com você.

E eu fui embora. Saí no início de uma noite de domingo e não olhei mais pra trás. Nem me despedi. No começo, hesitei, titubeei, quis voltar, mas não deixaram: pessoas e minha consciência. Sou responsável demais pra viver assim. ^Com você eu não tenho estabilidade e eu preciso disso, pelo menos hoje, pelo menos agora, pra poder, enfim, depois, ficar só com você. E se passar tempo demais?Passa não, porque eu me escondo, eu fujo, eu mudo de cidade, de telefone e, de repente, você me manda um e-mail.

Me convida pra ir te ver, te visitar, lembrar os velhos tempos. E aaaaaaaaaaaaaaaaahhhhhhhhhhhhh, como é bom!!!E eu não quero mais ir embora nem fazer outra coisa. Mas vou. E tento não pensar em você e nem fantasiar, nem criar expectativas. E quando acho que estou conseguindo, você, sempre ardiloso, se utiliza de outros meios, meios escusos que prefiro nem dzer aqui, para me seduzir.

E aí eu me derreto toda e...

1 Comment:

  1. P! said...
    Amiga, acho que eu não vou pro lançamento do livro, não. Mas tb fiquei louca por ele! Próxima vinda sua acá, vamos fazer uma promessa uma a outra, nós vamos lá na Maciel Pinheiro passar uma tarde inteira lá rindo e abstraindo! A gente pode chorar tb, vai ser bom! Te amo! Bjos!

Post a Comment



Template by:
Free Blog Templates